A HISTÓRIA QUE NUNCA SE APAGARÁ

by

24.12.2013sopara

Todo o final de ano é a mesma coisa.

Quando o árbitro apita o final do Mundial Interclubes lá vem os oficialistas de boteco querendo desqualificar a Copa Intercontinental e desmerecer as conquistas dos clubes que a venceram com chavões vazios e  mantras repetitivos.

Alguns deles –

“Copa Intercontinental é Mundial? Só no Brasil!”

“Os Europeus não ligam para o Mundiais”.

“Os times que venceram os Intercontinentais não se consideram “campeões do mundo”.

A resposta?

Site da Fifa. A postagem foi publicada no mesmo dia da final do Mundial Interclubes em que se destaca as duas conquistas anteriores do time alemão em 1976 e 2001.

24.12.2013-site fifa

http://www.fifa.com/clubworldcup/news/newsid=2248557/index.html

Fim de jogo em Marrakech. O Bayer conquista o Mundial da Fifa e a torcida bávara abre um bandeirão em que a Taça Intercontinental e o atual troféu da entidade são destacados em conjunto com o escudo do time no meio. Para eles a Intercontinental também é um título do mundo. Pois é…”só no Brasil” não?

23.12.2013-bandeirão

Site oficial do Bayer de Munique, minutos depois do time ter vencido o Raja Casablanca por 2 x 0 e conquistado o seu terceiro título mundial. Para quem não sabe alemão, recomendo o Google Translator.

24.12.2013.site

https://www.fcbayern.de/de/spiele/spielberichte/2013/spielbericht-klub-wm-finale-fc-bayern-raja-casablanca-211213.php

Como sempre escrevemos, tudo tem um começo e uma história. Aos que tentam passar a borracha no glorioso futebol do passado os nossos sinceros pêsames. A história do futebol mundial é poderosa, encantadora e maravilhosa. Ninguém poderá apagá-la.

Esclarecido?

Joinha Procêis.

joinha

13 Respostas to “A HISTÓRIA QUE NUNCA SE APAGARÁ”

  1. Diógenes Says:

    OBSERVATÓRIO DA IMPRENSA
    http://www.observatoriodaimprensa.com.br

    24.12.2013


    “A Taça Intercontinental nunca foi, ab ovo, Copa do Mundo de Clubes, por vício de origem. Só a FIFA poderia criar Mundial Interclubes. O que fez em 2000. A bem da verdade, a CONMEBOL e a UEFA nunca disseram que a Taça Intercontinental era Mundial. Sabe-se lá quem [Jornalista ‘Legiferante’] [Radialista ‘L’etat c’est moi’], e porque, induziu os de boa fé em erro.” [ ]

    “Aquele [Radialista ‘L’etat c’est moi’] [Jornalista ‘Legiferante’] que diz que campeão da Taça Intercontinental é campeão mundial, se de ‘bona fide’, está desculpado.” [ ]

    “Aquele que é campeão da Taça Intercontinental, e se diz campeão mundial, está se enfeitando com penas de pavão. ‘Est modus in rebus’.” [ ]

    “Ninguém [Jornalista ‘Legiferante’] [Radialista ‘L’etat c’est moi’] deve atribuir o título de campeão do mundo a campeão da Taça Intercontinental a ‘manus militari’. Cedam as armas à toga. ‘Dura lex, sed lex’.” [ ]

    “Aquele [Radialista ‘L’etat c’est moi’] [Jornalista ‘Legiferante’] que atribui o título de campeão do mundo a campeão da Taça Intercontinental pode estar praticando uma mentira branca. Mas ainda que sem intenção de causar prejuízo, causa.” [ ]

    “Campeão da Taça Intercontinental não é campeão do mundo. Nem tudo que reluz é ouro.” [ ]

    “Aquele [Jornalista ‘Legiferante’] [Radialista ‘L’etat c’est moi’] que diz que a Taça Intercontinental é Copa do Mundo de Clubes pensa à Hitler.” [ ]

    Diógenes de Sínope

    Com a colaboração de colegas do Uzbequistão, do Cazaquistão, do Quirguistão e do Tadjiquistão, o renomado jornalista Diógenes de Sínope, que escreve para um dos maiores grupos multimídia do Nepal, acaba de lançar “Taça Europeia/Sul-Americana – ou Taça Intercontinental – versus Copa do Mundo de Clubes da Fifa – Verdades e Mentiras”.

    Livro “Taça Europeia/Sul-Americana ou Taça Intercontinental versus Copa do Mundo de Clubes da Fifa – Verdades e Mentiras”
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Copa_Intercontinental

    “Aquele [Radialista ‘L’etat c’est moi’] [Jornalista ‘Legiferante’] que de má fé diz que campeão da Taça Intercontinental é campeão do mundo não tem autoridade moral para criticar, por exemplo, Dirceu, Delúbio, Lalau…” [ ]

    “Pensem nisso.” [ ]

  2. Marcelo Abdul Says:

    A Copa Intercontinental nunca foi uma Copa do Mundo de Clubes? Em termos. Não tinha esse nome mas era bem melhor e muito mais glorioso e disputado que o certame atual. Porém sinto informar que o atual modelo é uma continuação da competição antiga criado em 1960. Está no site da Fifa e está no coração de cada torcedor que venceu o torneio como bem a torcida do Bayer de Munique demonstrou feliz ao anoitecer das mil e uma noites de Marrekech.

    Aquela de que parte dos torcedores brasileiros falavam de que os “europeus não chamavam de mundial” e que agora está estampado no site oficial do Bayer de Munique, o atual campeão.

    Mentira branca? Não. Branco é o Real Madrid de Puskas e o Santos de Pelé. Esses são brancos. Futebol limpo, técnico, angelical, celestial e… campeão do Mundo. Não há maior inverdade do que dizer de que esses times nunca foram os melhores do planeta.

    Quanta desonestidade. Quanta mentira e birra cafajeste por causa de uma nomenclatura que na essência é a mesma.

    Uzbequistão, do Cazaquistão, do Quirguistão e do Tadjiquistão e Nepal. O que são? O que representam para o futebol mundial? O Mundo da bola conseguiria viver sem eles? Bem, pelos últimos resultados desses países nas eliminatórias eu diria que sim.

    Nenhuma viúva ávida clama pelo seu “maravilhoso” futebol.

    O jornalista que que diz que campeão da Taça Intercontinental é campeão do mundo, não pode ser comparado com políticos ladrões, vigaristas do dinheiro público e que matam a população de fome por sua ambição desmedida.

    Digo o contrário. Vigaristas, canalhas e vagabundos são aqueles que rejeitam o talento de grandes clubes do passado numa época em que o futebol era jogado no seu mais alto gabarito.

    Nós “pavões” do mundo inteiro agradecemos a lembrança. Os outros 0,1% que acreditem nas suas crenças individualistas e fantasiosas, fechados num círculo interminável de fanatismo religioso. A liberdade de credo deve ser respeitada. A Constituição garante esse direito. Falam,bradam e gritam, mas suas palavras infames não tocam no coração dos bravos e dos justos.

    Primamos pela excelência do futebol e não nas páginas do wikipedia que tem várias versões sobre o mesmo modelo, vandalizados por dedos menores e de sacripantas mal intencionados. A melhor fonte é o coração do torcedor e a história que nunca se apaga. A chama que queima as lamúrias dos invejosos e dos repetidos mantras vazios que ecoam inúteis e se perdem no vento dos profanos.

    Outras línguas dizem outra história a respeito.

    http://it.wikipedia.org/wiki/Coppa_Intercontinentale

    http://es.wikipedia.org/wiki/Copa_Intercontinental

    http://fr.wikipedia.org/wiki/Coupe_intercontinentale

    http://de.wikipedia.org/wiki/Weltpokal_%28Vereinsfu%C3%9Fball%29

    Sim, os pavões se espalharam, correram pela América do Sul (Buenos Aires é logo ali) passando pelos pampas gaúchos e ficando na sua divina glória na serra do mar encantando o mundo nas praias de Santos e na terra da Garoa. Que depois repousou na cidade maravilhosa e adentrou ao Atlântico saudando a Espanha, Itália, Sérvia, Holanda, Portugal e Alemanha.

    Comparar isso com Dirceu e Delúbio é o discurso rasteiro dos infiéis da bola. Dos soldados da enganação e dos sicofantas.

    Quem tem que dar autoridade moral são o Santos de Pelé, o São Paulo de Raí, o Flamengo de Zico, O Grêmio de Renato Portaluppi. Autoridades morais dentro de campo.

    O resto é sofismo daqueles que nunca alcançaram tal glórias naqueles áureos tempos.

    Um Feliz Natal dos pavões campeões do mundo.

  3. EVERSON Says:

    ABDUL, JA COMENTEI QUE O ANTIGO INTERCONTINENTAL ERA O SONHO DE CONSUMO DE TODO CLUBE E TORCIDA E QUE É INJUSTO MENOSPREZAR ESTE TITULO PORQUE INDEPENDENTE DA NOMECLATURA ,QUEM O CONQUISTOU É SIM CAMPEÃO MUNDIAL POR MÉRITO DESPORTIVO, MAS NÃO PODEMOS ESQUECER QUE A MAIORIA DOS TORCEDORES NÃO PENSAM COM LUCIDEZ MAS SIM PELA EMOÇÃO, POR EXEMPLO OS SÃO PAULINOS,PALMEIRENSES E SANTISTAS NA SUA MAIORIA JAMAIS RECONHECERÃO O MUNDIAL DO CORINTHIANS EM 2000 MESMO RATIFICADO PELA ENTIDADE MÁXIMA DO FUTEBOL A FIFA, EMBORA O MÉRITO DESPORTIVO DA CONQUISTA DE 2012 SEJA MAIOR NÃO PODEMOS DESDENHAR DA PRIMEIRA COMPETIÇÃO MUNDIAL DE CLUBES ORGANIZADA PELA FIFA, COM CERTEZA SE FOSSE O CORINTHIANS QUE TIVESSE GANHADO OS MUNDIAIS DE 92 E 93 E O SÃO PAULO GANHADO O MUNDIAL DE 2000 SE INVERTERIAM OS PAPÉIS E SERIAM OS TRICOLORES QUE AFIRMARIAM TRATAR-SE DE COPA JIPE,AMISTOSO INTERCONTINENTAL SEM VALOR DE MUNDIAL.
    NÃO TEM JEITO A RIVALIDADE SEMPRE SERÁ MAIOR QUE A RAZÃO E O BOM CENSO NA MAIORIA DOS TORCEDORES.

  4. Marcelo Abdul Says:

    Eu sou são paulino e reconheço o Mundial do Corinthians em 2000 sem problema nenhum. Apenas acredito que o titulo ganho pelo Boca no mesmo ano teve muito mais importância do que o time brasileiro pela tradição do torneio desde 1960 e pelo caminho que o time argentino trilhou. Em 2000 temos dois campeões mundiais, mas pra mim o Boca fez o caminho mais difícil e teve muito mais mérito do que o Corinthians que venceu um modelo de torneio que não se sustentou e nem teve continuidade. Ao contrário do Intercontinental que já tinha tradição e que é chamado pela Fifa de torneio precursor do Mundial disputado hoje. Nós sabemos que a rivalidade entre a as torcidas provocam essas distorções. Porém tanto Corinthians quanto Boca são campeões do mundo em 2000. Cada um com seu peso e sua medida. O engraçado de tudo isso é que o Corinthians em 2000 tinha um timaço e em 2012 quando fez o caminho mais difícil, o elenco não tinha tanta qualidade técnica em comparação com a esquadra do título mundial anterior. Coisas do futebol.

  5. EVERSON Says:

    ABDUL DISCORDO DE VC QUANDO DIZ QUE O torneio DE 2000 não se sustentou e nem teve continuidade, EMBORA TENHA SIDO O PRIMEIRO MUNDIAL ORGANIZADO PELA FIFA E POR ISSO NECESSITOU DE ALGUNS AJUSTES NOS ANOS SEGUINTES, O MUNDIAL DE 2000 É ANTECESSOR DOS MUNDIAIS SEGUINTES NÃO UM TORNEIO EXTINTO PARA QUE OUTRO VENHA SUBSTITUI-LO, POR EXEMPLO O RAJA CASABLANCA QUE ELIMINOU O GALO NÃO TINHA SIDO CAMPEÃO CONTINENTAL MAS O CAMPEÃO DO MARROCOS PAIS ANFITRIÃO DO TORNEIO REGRA COPIADA DO MUNDIAL DE 2000, E TEM MAIS A FIFA IRIA ORGANIZAR O MUNDIAL DE 2001 NOS MESMOS MOLDES DO ANTERIOR MAS DEVIDO A FALÊNCIA DO PATROCINADOR FICOU INVIÁVEL O TORNEIO, A PARTIR DE 2005 A FIFA DEFINITIVAMENTE PASSOU A ORGANIZAR O TORNEIO, OS EUROPEUS NÃO DANDO O MESMO VALOR QUE OS SULAMERICANOS A ESTA COMPETIÇÃO, POIS SE ATÉ NO ANTIGO COM APENAS UM JOGO ELES NÃO QUISERAM IR EM ALGUNS CASOS, OBRIGANDO O UEFA A ESTABELECER UMA CLÁUSULA QUE O CAMPEÃO EUROPEU SERIA OBRIGADO A DISPUTAR O INTERCONTINENTAL, RESISTIU A TER QUE FAZER MUITOS JOGOS NO MUNDIAL COMO EM 2000 COMPROMETENDO AS SUAS COMPETIÇÕES NACIONAIS QUE ELES VALORIZAM MUITO MAIS, POR ISTO A FIFA DETERMINOU A REGRA QUE OS CAMPEÕES DA EUROPA E AMERICA DO SUL FIZESSEM NO MÁXIMO DUAS PARTIDAS E MESMO ASSIM ATÉ HOJE OS EUROPEUS DISCORDAM ACHANDO QUE DUAS PARTIDAS É MUITO, É POR ISTO ABDUL QUE O MUNDIAL PASSOU A TER AS ATUAIS REGRAS PORQUE SE NÃO ELE SERIA IGUAL OU QUASE IGUAL AO DE 2000, E TEM MAIS NÃO CONCORDO COM VC QUE DIZ QUE O INTERCONTINENTAL TINHA MAIS TRADIÇÃO QUE O MUNDIAL DA FIFA POIS SE ANALISARMOS TECNICAMENTE A FIFA TEM MAIS CREDENCIAIS FUTEBOLÍSTICAS PARA OFICIALIZAR CAMPEÕES MUNDIAIS O MÁXIMO QUE VC PODE DIZER É QUE O BOCA TEVE MAIS MÉRITOS DESPORTIVOS QUE O CORINTHIANS NÃO QUE SEU TÍTULO SEJA MAIOR, MAIS TRADICIONAL POIS NO FINAL DAS CONTAS OS DOIS SÃO CAMPEÕES MUNDIAIS COM A MESMA IMPORTÂNCIA E RELEVÂNCIA, POR EXEMPLO O PALMEIRAS FOI CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL DE 2012 PELO QUAL OS TIMES QUE DISPUTAVAM A LIBERTADORES E A SULAMERICANA NÃO PARTICIPAVAM , O FLAMENGO FOI CAMPEÃO DO TORNEIO DE 2013 COM TODOS OS GRANDES PARTICIPANDO INCLUSIVE OS TIMES QUE HAVIAM DISPUTADO A LIBERTADORES SEM DUVIDA O CAMINHO DO FLAMENGO FOI MAIS DIFÍCIL, MAS AMBOS SÃO CAMPEÕES OFICIAIS E COM A MESMA IMPORTÂNCIA DA COPA DO BRASIL, OUTRO EXEMPLO O SÃO PAULO É TRI CAMPEÃO MUNDIAL 92,93 E 05 MAS SEM DUVIDA O DE 05 TEM MAIS MÉRITOS DESPORTIVOS QUE O DE 92 E 93 POIS PARTICIPOU TODOS OS CONTINENTES MAS NEM POR ISTO ELE É MAIOR QUE O DE 92 E 93 POIS OS TRÊS NO FINAL DAS CONTAS TEM A MESMA IMPORTÂNCIA, ASSIM TAMBÉM COM O CORINTHIANS O DE 2012 TEM MAIS MÉRITOS DESPORTIVOS QUE O DE 2000 MAS NEM POR ISTO É MAIOR OU MAIS TRADICIONAL QUE O MESMO.

  6. Marcelo Abdul Says:

    Quando eu escrevi que o “modelo não se sustentou” foi pelo fato das mesmas regras aplicadas em 2000 não se repetirem nos torneios da Fifa nos anos seguintes. Quanto as comparações com o Intercontinental e o atual Mundial da Fifa eu discordo do seu ponto de vista Everson. O atual formato dá a oportunidade para que a Copa Intercontinental se repita entre os vencedores da América do Sul e Europa. O Raja fez quatro jogos contra apenas dois do Bayer. Um absurdo. A Copa Intercontinental teve mais tradição e jogos bem mais inesquecíveis e emocionantes do que a atual competição. A última final foi praticamente um amistoso de confirmação para que o Bayer fosse campeão do mundo. Bem ao contrário de partidas anteriores do Intercontinental. Como são paulino posse lhe dar um exemplo. Me emocionei muito mais com as conquistas de 92 e 93 do que o Mundial de 2005. O próprio Blatter já deu declarações de que o atual Mundial ainda não atrai o interesse dos europeus como ele gostaria. Não é necessário o carimbo Fifa para se estabelecer excelência em matéria de futebol. Os jogos da Copa Intercontinental foram muitoooo melhores do que qualquer final do Mundial da Fifa. A única exceção talvez foi Boca x Milan em 2007.

  7. vitor Says:

    claro que e mundial:primeiro :as outras entidades não se moveram para promover esse tipo de campeonato na época.segundo:a competição tinha o objetivo de mostrar as duas forcas do futebol mundial tanto que na copa do mundo so as seleções da américa do sul e europa ganharam.e terceiro se isso não e mundial a copa do mundo de 50 também não e porque excluíram as seleções da africa.e por ultimo apenas os corintianos acham que não e mundial por isso eu pergunto:se o Corinthians tivesse ganhasse ganhado pelo menos um titulo intercontinental eles considerariam mundial?

  8. Marcelo Abdul Says:

    Outras entidades até fizeram torneios semelhantes anos depois, mas sem o mesmo prestígio da Copa Intercontinental. O futebol plenamente profissional era jogado na América do Sul e Europa na época de criação do torneio. Os outros continentes engatinhavam. Quanto a sua pergunta a resposta é óbvia. Vamos supor que o Guinei não tivesse errado contra o Boca e Corinthians tivesse vencido o Colo-Colo, a Libertadores e o Estrela Vermelha depois. Você acha que eles não diriam que são tricampeões do mundo? Eu não tenho a menor dúvida. A hipocrisia é grande. A chave que o Zico recebeu em 1981 é a mesma do Cássio em 2012.

  9. Paulo Says:

    Que o Bayern Munich seja bem vindo ao seleto grupo de TRI CAMPEÕES MUNDIAIS !!
    No site oficial do Bayern, no bom e velho alemão….pois é, eles sabem o que conquistaram, São Paulinos, Santistas, Grêmistas, Flamenguistas, rossoneros, bávaros…..exemplos não faltam, ELES SABEM O QUE CONQUISTARAM !!
    Pois é Marcelo, os Corinthianos terão que debater com o MUNDO INTEIRO, kkkkkkk, boa sorte para eles, kkkkk !!

  10. Marcelo Abdul Says:

    Pois é Paulo. Alguns infelizes querem reescrever a história, mas não tem jeito. As glórias permanecem para sempre. O Bayer é tricampeão do mundo.

  11. João Says:

    Diógenes, Vc citou a Wikipédia. Mas ela está sendo escrita por torcedores fanáticos e parciais. Quem lê pensa que o torneio conquistado pelo Corinthians em 2000 foi mais importante que o do Boca Juniors no Japão. Mas não foi. Procure na wikipédia e veja se encontra estes textos aqui. Duvido que encontre.

    Por que Corinthians e Vasco no Mundial?
    http://www1.folha.uol.com.br/fsp/esporte/fk20069905.htm

    O “mundial” que jamais existiu
    http://ricaperrone.wordpress.com/2008/09/10/o-mundial-que-jamais-existiu/

    A história dos Campeonatos Mundiais
    http://www.rankingdeclubes.com.br/historia_mundiais.htm

    Mundial do Corinthians não passou mesmo de um Mundialito. Roberto Carlos estava certo…
    http://esportes.r7.com/blogs/cosme-rimoli/tag/mundialito/

  12. TON Says:

    O MUNDIAL INTERCLUBES SE INICIOU EM 1957 NO TORNEIO INTERCONTINENTAL DE CLUBES DE PARIS .

  13. Marcelo Abdul Says:

    Existiram vários desses torneios antes. Em 1960 é que a disputa para decidir o campeão do mundo realmente se consolidou. Tanto que a Taça Brasil e a Copa Libertadores da América foram criadas com esse intuito.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: