ATÉ BREVE GAROTO!

by

neymar

Após idas e vindas, informações nebulosas e muita especulação está decidido: Neymar infelizmente vai deixar os campos brasileiros para brilhar na Europa.

Mais um craque que se vai e que apequena o futebol brasileiro.

Neymar foi um oásis num mar de mediocridade.

Surgiu tímido em 2009. Chamado por Vanderlei Luxemburgo com o pejorativo apelido de “filé de borboleta”.

Com o ex-treinador fora do caminho, o Santos trouxe Dorival Júnior e Neymar explodiu no ano seguinte com uma nova leva de meninos da Vila, que incluiu André, Ganso e o veterano mas ainda moleque Robinho. O Brasil se encantou com aquele garoto de corte moicano, que ousadamente deu um chapéu no corintiano Chicão com a bola parada. A Vila inteira riu e o zagueiro se enfureceu. Outros adversários viriam e outros chapéus também, mas com a bola rolando.

Os torcedores pediram a convocação dele para a Copa do Mundo, mas Dunga, o agente mór do pragmatismo do futebol brasileiro, não se sensibilizou com o encantamento e levou o seu exército de brucutus para a África do Sul. Perdeu a Copa do Mundo.

Ainda em 2010 seu sonho de vestir a amarelinha se materializou. Neymar se tornava ídolo do futebol brasileiro. Venceu a Copa do Brasil e no ano seguinte atingiu o seu ápice nos campos nacionais. Ajudou o Santos a vencer o bicampeonato paulista em cima do maior rival e foi o astro principal da conquista do tricampeonato da Libertadores da América. Algo que só o time de Pelé tinha conseguido em 1963. No Mundial, o camisa onze santista foi anulado pelo estratosférico time do Barcelona. Muitos duvidaram da sua capacidade. Mas os golaços e as lindas jogadas continuavam.

Em 2012 como não se lembrar no show de Neymar sobre o pobre lateral paraguaio Piris no Morumbi? Até o mais ranzinza são paulino sorriu ao ver ali um aspecto do futebol brasileiro que há muitos anos se julgava desaparecido.

Mas vieram a fama, as mulheres, as baladas, os patrocinadores e o futebol da joia santista começou a murchar. Na seleção a perda de medalha de ouro fez a torcida desconfiar de seu futebol mesmo que o jovem tenha sido o maior goleador do Brasil  nos últimos anos.

Num futebol recheado de Muricys, Roths, Abelões e afins não havia mais espaço para o talento santista crescer. Hora de amadurecer. Tempo de respirar novos ares e aprender novas filosofias.

Se o futebol brasileiro não estivesse dominado pelo pragmatismo tosco e exagerado talvez ainda haveria espaço para ele atuar sem se preocupar com as suas canelas e com as reclamações dos adeptos da cartilha dos pernas de pau. Mas isso é hipotético.

O que nós brasileiros temos a dizer a você Neymar é muito obrigado.

Seja feliz garoto, aproveite ao máximo. Boa sorte na sua nova empreitada.

Até breve. Que a sua “molecagem” nunca desapareça, pois ela não é apenas sua. Ela pertence a todos nós que gostamos de ver o verdadeiro futebol brasileiro.

4 Respostas to “ATÉ BREVE GAROTO!”

  1. Marcelo Carmin Says:

    Belo Texto shará…espero que o garoto não seja um “Robinho melhorado” pelo menos terá o melhor do planeta ao seu lado..isso já será genial…sou São Paulino até a alma,mas é absurdo não reconhecer que o melhor jogador do País deixa o Brasileirão mais pobre tecnicamente esse ano,Santos sem Neymar é um time comum comum (Mais isso já é outra história)
    Até breve Neymar

    Grande abraço..

  2. Marcelo Abdul Says:

    Valeu xará. Neymar para mim é um daqueles jogadores que ultrapassam o lance do clubismo. Espero também que ele não vire um “Robinho melhorado”. Com um país pobre de craques supervalorizamos muito os jogadores. Mas no caso do Neymar acho que a coisa vai ser bem diferente do atual jogador do Milan. Abraços.

  3. Antonio Carlos de Carvalho Says:

    Neymar foi anulado pela marcação compacta do Barcelona e do Corinthians, em 2012 e 2013. na seleção, estranhamente, mesmo quando fica mano a mano, não tenta seus dribles mirabolantes, e raramente consegue passar pelo marcador. Não fez nenhuma exibição nos mesmos moldes de como joga no Santos. Nem mesmo um gol de placa ou algo do gênero. Como não sou de achismos e muito menos picareta, digo, adivinho, e com base apenas no que vi, penso que ele terá enormes dificuldades em ser o que ser o que a torcida do Barcelona espera dele. A não ser que se limite a jogar um feijão com arroz e sempre servindo ao Messi. Ou seja, tocar e abrir para receber, cruzar direitinho para alguém, dar um toque certinho nos pés do Messi, coisas do gênero.

  4. Marcelo Abdul Says:

    Engraçado. Não vi o Neymar ser “anulado” em 2011 na decisão do campeonato paulista, Copa do Brasil, Libertadores. Se o Corinthians conseguiu “anular” ele como é que ele conseguiu fazer um gol no Pacaembu na semifinal da Libertadores? Não julgo os dribles deles “mirabolantes”. O prêmio Puskas que ele ganhou e que quase venceu por duas vezes contraria essa sua visão. Não acredito que ele tenha o mesmo destino de um Robinho por exemplo. Neymar é um cara e muito bem orientado. Vai dar certo no Barcelona e na seleção. O azar dele é que não jogou no Corinthians. Seria comparado ao Pelé. Se vocês idolatram até o Zizao…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: