HERÓICO VASCÃO!

by

o zagueiro Dedé: um monstro na partida de ontem

O Vasco da Gama depois de uma partida dramática venceu o Universitario do Peru e está na semifinal da Copa Sul Americana. O clube carioca chega pela primeira vez entre os quatro melhores da competição e agora enfrenta outro time com nome estudantil, o bom time do Universidad do Chile.

Mas a história da classificação do clube da Colina foi dramática. Após levar erroneamente os reservas para jogar contra a equipe peruana em Lima na semana passada, o time da cruz de malta perdeu por dois a zero. O “descanso” não deu muito certo, já que o Vasco perdeu para o Santos pelo campeonato brasileiro sendo inútil “poupar” os atletas.

Ontem, no jogo da volta em São Januário, o Vasco precisaria de três gols para obter a classificação direta. Com o gol de pênalti de Diego Souza, parecia que o time cruz maltino iria vencer sem a menor dificuldade, mas a partida ganhou contornos épicos. O Universitario, que veio ao Rio com uma proposta claramente defensiva acertou um raro contra ataque e Ruidíaz empatou ao encobrir Fernando Prass. O Vasco agora teria que marcar quatro gols. Um feito praticamente milagroso.

O clube peruano catimbou na busca de ganhar preciosos minutos. No intervalo os atletas trocaram sopapos e dois jogadores de cada time foram para o chuveiro mais cedo. As coisas pareciam piorar para os vascaínos quando Rabanal acertou um chute que desviou no zagueiro Dedé e entrou fundo nas redes de São Januário. O que parecia ser milagroso agora parecia impossível. São Januário calou e o Vasco, o último dos moicanos brasileiros nessa Copa Sul Americana parecia nocauteado.

Mas é nesses momentos que vemos a noção exata da grandeza de um clube. O Vasco apesar de todas as barreiras não desistiu. Pouco depois de tomar o segundo gol Elton empatou de cabeça. A rapidez do tento deu esperança que os cruz maltinos pudessem operar o milagre e o goleiro peruano Llontop deu uma imensa colaboração ao falhar bisonhamente num cruzamento do zagueiro Dedé. A expulsão de Rabanal foi o combustível final da arrancada vascaína na partida.

São Januário explodiu e o Vasco jogou com uma bravura épica. Juninho comandou o meio de campo e a articulação de jogadas. Dedé foi deslocado para o ataque e passou a incomodar a defesa peruana. O clube carioca fez uma blitz impiedosa para conseguir ultrapassar a barreira armada pelo treinador Del Solar. Num cruzamento Dedé acertou uma cabeçada mortal e ampliou. O caminho da classificação heroica estava muito perto.

O Universitario com um jogador a menos se defendia e rezava para acertar um novo contra ataque ou o tempo acabar. Mas a justiça acabou prevalecendo. Em nova jogada o criticado Alecsandro fez o quinto e a classificação antes impossível agora era uma realidade. O Vasco na raça e no coração superou todas as adversidades e o ridículo critério do “gol fora”. Esperamos que agora que Roberto Dinamite não coloque o time reserva na semifinal de um torneio importante, em que muitos clubes ainda insistem em ignorar por conceitos idiotas.

Parabéns ao Clube de Regatas Vasco da Gama. O Brasil está legitimamente representado nessa Copa Sul Americana.

Anúncios

2 Respostas to “HERÓICO VASCÃO!”

  1. Geraldo "JASON" Lina Says:

    E o Ricardo Gomes hein ?
    Mandando bem pra baralho…

  2. Marcelo Abdul Says:

    Verdade. Eu tinha um conceito sobre ele quando ele treinou o São Paulo. Hoje a gente pode perceber que o problema real não foi ele, mas sim um bando de jogadores desinteressados ajudados por essa diretoria mambembe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: