Archive for setembro \28\UTC 2011

STJD: UMA PIADA!

28/09/2011


Se alguém tinha alguma dúvida da inutilidade do STJD como o principal órgão de justiça do futebol brasileiro, esse fato acabou por se confirmar ontem à noite.

Foi vergonhosa, patética, ridícula, esdrúxula e imoral a decisão de dar apenas uma multa para o Fortaleza e para o CRB pelos fatos lamentáveis do partida que fez o tricolor cearense permanecer na série C do campeonato brasileiro.

A bomba, mais uma vez sobrou para o mais fraco. Carlinhos Bala ficou como  principal culpado dos fatos e tomou um gancho de seis jogos de suspensão além de uma multa. Pena bem branda por tudo o que se suspeita do atleta. Uma verdadeira piada de mau gosto.

No final, a decisão dos magistrados agradou a chimangos e maragatos. Mais um exemplo de como o futebol brasileiro está corroído pela podridão.

O STJD não é um tribunal sério. Se já teve essa qualidade, ela ficou num passado distante. Hoje com essa decisão se pode afirmar com legitimidade que o tribunal da CBF não tem utilidade nenhuma. É uma aberração jurídica.

Está mais do que claro que tanto Fortaleza, como CRB deveriam ser punidos exemplarmente por suas pérfidas ações, mas isso é pedir demais num futebol nojento e asqueroso como o dirigido por Ricardo Teixeira e sua trupe.

Nada a comentar. Apenas refletir que depois de ver deputados eleitos absolverem Jaqueline Roriz, não se poderia esperar outra coisa desses elementos do que o famoso “jeitinho”.

O futebol brasileiro e toda a sua maravilhosa história está sendo jogado no lixo por engravatados gordos sebosos com o cabelo enlameado de laquê fedorento.

Que o STJD e Ricardo Teixeira sumam antes que eles acabem o nosso futebol.

Se é que já não acabaram.

Anúncios

O ROCK IN RIO ERROU!

27/09/2011

Roque in Rio? só ser for esse!

A ideia desse post surgiu após um comentário no blog do meu amigo Guina.

Para falar a verdade eu nem iria comentar muita coisa sobre esse tal “Pop in Rio” que acontece na cidade maravilhosa. .

Porque chamar artistas como Cláudia Leite, Rihanna (apesar de ser deliciosa) e Kate Perry para tocar num festival chamado de “rock” é sacanagem.

Mas se tratando dos Medinas tudo é válido. Até se apropriar do forte nome “rock” pra divulgar trezentas bandas pop por aí. Isso não é novidade. Até no primeiro Rock in Rio tivemos que suportar pérolas como Eduardo Dusek, Elba Ramalho e Moares Moreira num ecleticismo nunca visto na história da música. Até aí dou palmas para o Roberto Medina por seu pioneirismo.

Mas as palmas vão até a página três. Não vou ser saudosista e me remeter ao ano de 1985 para dizer que o festival nos tempos “brizolisticos” foi muito melhor que os atual, porque eu vou simplesmente chover no molhado. Aquele Rock in Rio matou a pau e fim.

O fato é que o festival virou uma empresa. O “Rock in Rio” hoje é uma marca. Que já até produziu shows em outros países como Portugal e Espanha. A indústria da música hoje, apesar de todos os golpes que ela sofreu com a internet continua firme e forte.

Portanto não são nada surpreendentes as reclamações da galera em relação ao festival. Se Woodstock representou o ápice da liberdade musical da juventude, o Rock in Rio hoje é a banalização de tudo isso. Atrações datadas, apresentações sofríveis e risíveis de alguns músicos (Mike Patton e seu italiano enrolado foi o auge), bandinhas emo, cantoras que imitam o jeito Madonna de ser para aparecer mais do que a música. Sem falar no mala mór Axl Rose em seu projeto solo que se chama Guns n Roses. Enfim…

Chamar isso de rock é ofender Robert Johnson, Muddy Waters, Holliw Wolf, Chuck Berry,Elvis, Beatles, Stones. Mudem pra “Pop in Rio”, ou “Shit in Rio”. Não troco um show no Blackmore Bar para ver uma merda dessa.

Triste ver que o festival se tornou um pastiche de si mesmo. Humberto Gessinger e Lobão foram proféticos em suas letras.

Gessinger ao afirmar que “a juventude é uma banda numa propaganda de refrigerante”.

E o grande Lobão ao cantar em prosa e verso que “O Rock Errou”.

VEM AÍ…SOBERANO 2

27/09/2011

Fonte – Lancenet

O São Paulo anunciou nesta segunda-feira, em evento no Morumbi, a produção de “Soberano 2 – A Heroica Conquista do Mundial de 2005”, em parceria com a G7 Cinema. O filme trata do título no Japão e terá o site http://www.soberano2.com.br, com todas as informações. A previsão de estreia é para o primeiro trimestre de 2012.

Nota do blog – O torcedor são paulino pode ir no site do filme e escolher a capa da nova produção tricolor. Particularmente eu gostei da figura acima. ESPETACULAR!

O HOMEM QUE DÁ BOM DIA A CAVALO

18/09/2011

Frase do padroeiro de Kinshasa, Celso Roth na semana passada.

“O São Paulo é uma equipe que está ganhando os jogos e às vezes não mostra muito o por quê. Se vocês (jornalistas) acompanharem os jogos do São Paulo vocês verão isso”

Depois desse momento de “ternura” do treinador gremista descobrimos a resposta do porquê do São Paulo ganhar jogos.

A resposta é fácil. O tricolor paulista  está bem colocado na tabela do brasileiro porque ganha de quatro.

Enquanto isso o time dirigido por Roth APANHA de quatro.

 

Quem fala demais…

MORUMBI 2014, 2015, 2016…AGORA VAI?

15/09/2011

Perspectiva do estádio com a cobertura

Avenida João Jorge Saad com o monotrilho

Arena de 25 mil lugares dentro do estádio

Planta de 3 torres de hotéis que o São Paulo planeja fazer no Morumbi

Fonte – Marcelo Prado – Globo.com

Nota do blog – Eu não vou comentar nada porque estou cansado de ler  sobre o assunto.  Juvenal Juvêncio é um mestre da especulação vazia. Por enquanto temos que nos contentar com o bom e velho Morumba de sempre. Se lembrem pessoal. É projeto pessoal do clube! Quando o contrato estiver lavrado e assinado em cartório anunciaremos aqui.

RESUMO DA ÓPERA – 15/09/2011

15/09/2011

Argentina x Brasil : "superclássico" da várzea

Mais um vexame – O “combinado” reserva que veste uma camisa amarela empatou com os suplentes da Argentina em Córdoba num duelo que muitos insistem em dizer que teve importância. Eu juro que tentei encontrar em todo o lugar a necessidade desse amistoso e não achei. Ainda enfeitaram  a disputa com o título “superclássico das Américas”. Sem comentários. A partida só reforçou o que o blog tem escrito há muito tempo. Cada vez mais a seleção brasileira se torna uma intrusa indesejável dentro de seu próprio país. O torcedor quer ver seu clube e rejeita cada vez mais o Brasil. . Esse combinado de Mano Menezes desagrada e não cativa ninguém. E você acredita que teve jornalista que vibrou com a “goleada” de 1 x0 do Brasil contra Gana? Ai!

Villa faz um golaço de falta: a Liga dos Campeões começa com um belo futebol

Champions League , um começo arrasador – Ao contrário do futebol brasileiro, a Liga dos Campeões se confirma como a melhor competição de clubes do planeta. A primeira rodada da fase de grupos teve jogos emocionantes e belos gols. Tentos que poderiam ser facilmente confundidos com disputas brasileiras num passado não muito distante. A globalização alterou a ordem mundial do esporte mais popular do mundo. O campeonato brasileiro está recheados de técnicos retranqueiros e a Europa joga um futebol cada dia mais encantador e ofensivo. Quem diria.

Celso Roth: o eterno padroeiro de Kinshasa solta o verbo

A Bronca de um Padroeiro – O técnico do Grêmio Celso Roth resolveu soltar cobras e lagartos contra o São Paulo após a vitória do seu time contra o tricolor paulista. Uma das frases é que ele “não sabia porque o São Paulo está em uma boa colocação”. É Juvenal… Complicado. Quando até o padroeiro de Kinshasa tira uma lasquinha do São Paulo é porque a coisa está feia.

Felipão: cada vez mais isolado pelos eternos conflitos internos do Palmeiras

Palmeiras, Uma Usina de Problemas – Desde que a Parmalat saiu da Sociedade Esportiva Palmeiras no final dos anos noventa, o clube conquistou apenas um título paulista. Essa constatação tem fundamento. Antes da multinacional entrar pelos portões do Parque Antártica em 1992, o time tinha um cenário de conflitos internos entre dirigentes que fizeram o time amargar uma fila de 16 anos. Agora, em 2011 vemos os mesmos embates políticos prejudicar a instituição. Luiz Felipe Scolari fez um milagre ao manter o clube numa boa colocação em várias rodadas do brasileiro com um elenco limitado. Mesmo assim, o seu trabalho está sendo sabotado nos bastidores. Enquanto isso o time vai amargando mais um ano de jejum. Será que o pessoal não aprende com passado?

Ministério Público: rigor para o Morumbi, relaxamento para os outros

Perseguição ? – O Ministério Público  quer proibir os shows de Eric Clapton, Justin Bieber e Pearl Jam no Morumbi. A justificativa é que o São Paulo FC não cumpriu o horário assinado que limita os shows até as 22 horas  e nem tomou providências para que se monte uma estrutura  para que o som não afete os moradores do local.

O curioso de tudo isso é que a entidade jurídica ainda permite que os jogos das 22 horas sejam realizados. Porque barulho de torcida e rojões não deve incomodar nem um pouco os “moradores” do local não é?  Uma contradição.

O mesmo prefeito idiota que vetou a lei dos jogos antes das 22 horas pressionado pela Rede Globo agora usa orgãos públicos como o PSIU para perseguir e multar o São Paulo Futebol Clube por barulho depois das dez da noite. É mole?

Gostaria que o Ministério Público tivesse o mesmo rigor com as pornográficas licenças ambientais e outras benesses cedidas ao Itaquerão. Mas estamos no Brasil. É sonho de uma noite de inverno.

O São Paulo ao que tudo indica, vai tomar providências para diminuir o impacto sonoro em torno do Morumbi. Umas das medidas será a construção da cobertura. Mas o assunto e as promessas vazias de Juvenal Juvêncio  irritam  o torcedor são paulino. O fato é que o Ministério Público usa dois pesos e duas medidas. Para uns aplica a lei rigorosamente, para outros simplesmente se esquece que elas existem.

Kassab e os "mortos" do PSD

Kassab e os "mortos" do PSD

O paraquedista zumbi – Não basta o prefeito da cidade de São Paulo financiar dinheiro público em um estádio particular. Não basta ele fundar uma sigla zumbi com a assinatura de mortos. Não basta não haver nenhuma obra anti enchete na cidade, não basta nem prestar para arrumar os relógios públicos da capital. Não basta eles desrespeitar os moradores da Vila Olímpia para beneficiar as empreiteiras. Agora o presidente do PSD persegue artistas de rua, e quer proibir teatros na escolas e música nos bares. Sem dúvida nenhuma um prefeito que honra Maluf, Celso Pitta e Marta Suplicy.  Um paraquedista que soube se aproveitar muito bem da saída de José Serra e enganou milhares de eleitores com seu projeto “cidade limpa”. A cidade se despolui visualmente mas o prédio do Banespinha está mais sujo do que nunca. Não há pior político no Brasil do que Gilberto Kassab.

O ATAQUE DAS VELHAS RABUGENTAS

15/09/2011

Atenção futebolista!

Hoje em dia é proibido de você ter uma opinião!

Se tiver algo para dizer do árbitro, de um empresário, de um presidente de clube ou de um companheiro de profissão muito cuidado.

Milhares de pessoas vão interpretar mal o que você fala e te malhar como um Judas Iscariotes e parasafreando um fã do Restart

“ Te xingar muito no Twitter”.

Ui!

Amigos. Como o futebol está pedante, careta e babaca. Foi só o Rogério Ceni falar uma frase sobre o Neymar que o mundo todo quase caiu sobre o goleiro artilheiro.

Ok. Vamos ser francos. O guarda redes são paulino exagerou  quando disse que o craque santista simulava 50% das faltas.

Mas qual o problema dele ter expressado isso? O Neymar é o Mahatma Ghandi ou  a madre Tereza de Calcutá? Ele não finge faltas como grande parte dos atacantes do futebol brasileiro?

Alguns torcedores se esquecem que no futebol, certas malandragens são permitidas. O Neymar pode simular faltas sim porque é do jogo. Como craque, ele pode muito bem usar isso a favor dele, como já fez muitas vezes.

Mas o problema de toda essa ladainha nem é a frase do Rogério Ceni e nem o “caí caí” do jovem talento praiano. O pior é ver um monte de torcedor dissimulado interpretar mal uma frase e criar um conflito mítico entre o bem e o mal. A “pobre criança” Neymar contra o “demônio do apocalipse” Rogério Ceni.  Sites, blogs,  jornais e até o presidente do Santos se manifestaram estupidamente.

Dá pra sentir o cheiro de enxofre a cada frase odiosa contra o goleiro por causa de um comentário. Uns falam em inveja, ódio ao garoto da Vila, mágoa, ressentimento pela paradinha entre outras interpretações imbecis.

Não colegas. Rogério Ceni não odeia o Neymar. Aposto que ele sente até uma grande admiração pelo rapaz como todo o torcedor brasileiro amante do bom futebol. O são paulino falou o que ele vê dentro do campo e que acontece em quase todos os gramados do Brasil . Atacante, se puder simula. E tem árbitro banana que apita. Faz parte do jogo de futebol. Com alguns juízes dá certo mas com um Leandro Vuaden não.

Mas as pessoas, maldosas como são, tentam levar tudo para um lado maniqueísta e criam dicotomias inexistentes sem o menor sentido.

Neymar é caçado, recebe e dá porrada e se puder simula faltas sim. Porque ele joga futebol,  não bocha. Assim como o Rogério Ceni se adianta algumas vezes em cobranças de pênaltis e faz cera quando a partida está para acabar. É futebol meu filho!

Com a vinda da internet o torcedor virtual se transformou em uma espécie de Cacilda da fofoca. Aquela velha rabugenta que fala mal de tudo o que você faz em sua vida.  Mas o torcedor é um ser passional e irracional. Isso nós até podemos entender na blogosfera  onde todos são valentões.

O duro é ver  jornalista e até cartola  dar atenção para isso e cair nessa onda fascínora de “espancamento virtual”.

A rabugice tomou conta definitivamente do futebol brasileiro. O pessoal necessita tirar as vendas do seu fanatismo e começar a assistir futebol de verdade.  Daí quem sabe um atleta possa falar tudo o que realmente pensa sem ser admoestado por isso.

Mas por enquanto, pelo que vimos, esse dia está muito longe.  Nós teremos que nos conformar com as frases. ” O grupo tá fechado”, “Perdemos agora é bola pra frente” e aquelas falas que os jogadores repetem há vinte anos e que agradam os cartolas e a imprensa pseudo-intelectual.

Esse é o hipócrita futebol brasileiro.

ECO PARA A ETERNIDADE

06/09/2011

Rogério Ceni: 1000 jogos e o coração de milhões de são paulinos

Nesta quarta feira, dia sete de setembro de 2011, um homem nascido na cidade paranaense de Pato Branco completará mais um capítulo glorioso em sua carreira. Rogério Ceni irá completar 1000 jogos pelo São Paulo Futebol Clube. Uma marca nunca antes alcançada por um goleiro na história do futebol brasileiro.

Qualquer coisa que se tenha que escrever sobre o capitão são paulino é chover no molhado. Vejam os milhares blogs e sites de torcedores  para provar. Não é necessário delinear muita coisa. Não é preciso descrever quanto o maior arqueiro da história do tricolor paulista é importante para cada alma vermelha, preta e branca.

Seu profissionalismo, sua conduta e seu coração falam por si. Ídolos verdadeiros são assim: autênticos.  Eles não beijam o escudo do clube, mas que se dedicam por ele nos treinamentos, nos jogos e principalmente na alma. Vibram nas maiores vitórias e choram copiosamente nas sofridas derrotas.

Querem saber porque milhões de corações de cinco pontas amam o goleiro artilheiro?

Porque ele não é apenas um mero jogador que entra em campo. Rogério Ceni é o próprio torcedor são paulino dentro das quatro linhas. São dezessete milhões  personificados em torno de suas luvas ao apito de cada início de jogo.

É o garoto que grita UUU a cada chute, é o velho veterano que ainda chora com uma conquista, é o casal de namorados que se beijam a cada gol tricolor…

Todos nós são paulinos representados legitimamente por Rogério Mücke Ceni.

Obrigado capitão. Não pelo fato de você ser são paulino, mas por nos dar orgulho de vestir essa camisa branca com três faixas tão gloriosa e vencedora.

Pois como diz um personagem do cinema….

“O fazemos em vida, ecoa na eternidade”.


SOLTANDO OS CACHORROS – PEIDOS, FAIXAS E VIAGENS ARQUEOLÓGICAS

06/09/2011

Por Paulo Rubens de Abreu

Haaaaa!

Depois de um tempo parado eu tô de voltaaaaaa rapaziada!

E comigo a velha coluna “Soltando os Cachorros” para detonar a bundamolice do futebol brasileiro.

Rapeize! Os meus maiores temores se confirmaram nessa semana!

Alguém aê da sua casa ou do seu trabalho já deve ter falado que quando a imprensa esportiva não tem nada pra fazer até peido é noticiado.

E….caralho! Não é que um pum virou notícia no Flamengo?

Deu até crise!

AH AH AH AH AH AH! RÍDÍCULO!

Se o Luxemburgo não quer ver seus atletas cometerem atos flatulentos é melhor a cozinha da urubulândia maneirar na feijoada.

AH AH AH AH AH AH!

Um pum! Todo mundo já sabe o que fazer pra derrotar o Flamengo. É só chegar perto do Ronaldinho Gaúcho e SOLTAR A BUFA!

AH AH AH AH AH AH!

E a Corinthians? Os caras são líderes porra! LÍDERES! E a torcida faz faixa de protesto e quer invadir o CT?

O que eles querem? Que o Corinthians jogue igual ao Barcelona?

Com o Tite? Rsssssss.

Melhor encomendar mais faixa!

AH AH AH AH AH!

Mas o que me deixa puto são os santistas. Toda vez que eu vou pra Santos é Octa pra lá. É Octa pra cá. Porra! O time do Santos vai lutar UFC? Rssssss.

Tá! Tá bom! O Santos é Octa sim. Depois do hall de testemunhas que presenciou os títulos eu me convenci. Olha ai quem são….

Fred Flinstone

Imperador Augusto

Ramsés II

Pedro Álvares Cabral

Plinio de Arruda Sampaio

Mun-rá

Connor MacLeod (Highlander)

E isso ai rapeize! Até mais ver!



DIGA-ME COM QUEM ANDAS…

04/09/2011

… e eu te direi quem és!

Às vezes uma imagem fala mais do que mil palavras não é mesmo?

Kassab e Maluf (listado pela Interpol)

Luis Inácio "não sei de nada" Lula, Dilma e o chefe do mensalão José Dirceu

E você eleitor ainda acredita  nessa gente?  Rsssssssss.