O SUBSTITUTO

by

Adilson Batista é o novo técnico do São Paulo: temeridade

Parecia que a diretoria são paulina tinha aprendido a lição. Após as experiências fracassadas com Ricardo Gomes, Baresi e Carpegiani eis que Juvenal Juvêncio anuncia Adílson Batista como novo treinador do São Paulo.

Adílson foi razoavelmente bem no Cruzeiro de Belo Horizonte. Ganhou títulos mineiros e foi vice campeão da Libertadores quando perdeu o título em pleno Mineirão para o Estudiantes de La Plata.

No ano passado fazia até uma boa campanha no Corinthians, mas de repente o time começou a derrapar e Adílson foi demitido. Dizem as más línguas pelos próprios jogadores do clube. Esse ano foi curiosamente desligado do Santos após um protesto da padaria “A Santista”. Foi acusado de “inventar” na Vila Belmiro e não se encaixou no perfil do presidente Luis Álvaro. No Atlético Paranaense se demitiu após uma série de derrotas.

Estranho que a diretoria são paulina tenha trocado um “professor pardal” por outro. É a velha busca de Juvenal por “grife” que se faz desnecessária nesse momento. Contratar um treinador como Adílson tendo um Dagoberto no elenco é uma temeridade.

O nome não me agrada. Torci o nariz para a escolha. Mas posso me enganar redondamente. Por enquanto ainda estou com o estômago embrulhado. A diretoria são paulina já teve dias bem melhores. Mas o que esperar de pessoas que pisam em cima do estatuto do próprio clube?

Que Deus nos ajude.

 

Anúncios

4 Respostas to “O SUBSTITUTO”

  1. GUINA SP10 Says:

    Não te falei que o ditador e imperador Juvenal I – O Feudal, iria destruir tudo o que ele ajudou a construir no São Paulo.
    Um tiro no escuro, que pode dar certo, ma só com a ajuda de Deus.
    Como tenho fé…vou apoiar o Adilson, que não tem culpa.
    Pelo menos iniciou bem a carreira de treinador. Depois se perdeu, é verdade! Mas precisa do apoio da torcida.

    Já o senhor Juvenal…Meu Deus!

    Se for o Adilson linha dura do inicio da carreira, pode dar certa.
    Senão…
    Logo agora que o Dorival, está prestes a ser demitido do Atlético-MG.

  2. Marcelo Abdul Says:

    E bota tiro no escuro. Pra mim o que o Juvenal fez foi um tiro num buraco negro na galáxia mais distante. Ele deve ter tomado oito garrafas de Black Label antes de fazer essa contratação. Não é possível.Mas é isso que acontece quando um presidente se julga acima do bem e do mal. Se acha melhor do que todos e não consulta ninguém. Pior, não está nem aí para a torcida. Já vimos o que aconteceu com outros clubes em que os presidentes tiveram a mesma postura não é mesmo?

  3. Geraldo "JASON" Lina Says:

    Deus te abenções Adilson !

  4. Marcelo Abdul Says:

    Vai precisar de muitaaaa. Mas muita benção mesmo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: