RESSACA BRAVA!

by

Rivaldo é impiedosamente marcado: ressaca no Arruda

 

 

Depois da quebra do tabu contra o Corinthians, do centésimo gol de Rogério Ceni e da belíssima festa de chegada de Luis Fabiano no Morumbi com quarenta e cinco mil torcedores, o São Paulo teve um começo de semana festivo que não se via desde o Hexacampeonato brasileiro de 2008.

 

Mas a vida continua e os campeonatos também. O São Paulo foi ao Recife crente que o jogo contra o Santa Cruz pela Copa do Brasil fosse uma “barbada” já que o clube pernambucano enfrenta uma das piores crises de sua história e disputa a quarta divisão do campeonato brasileiro. Num estádio do Arruda lotado de fanáticos torcedores da “cobra coral”, o Santa jogou uma Copa do Mundo. Já o São Paulo entrou em campo como se disputasse um campeonato paulista contra a Matonense: desatento e   convencido.

 

O erro foi fatal. O técnico Zé Teodoro armou uma retranca monstro e marcou as principais peças do tricolor paulista. Lucas foi impiedosamente caçado pelos jogadores do time pernambucano. O jogo descambou para a violência e a velha catimba em alguns momentos. Mas o Santa Cruz não contava com uma poderosa arma montada pelo próprio técnico do adversário. Sim amigos, Carpegiani efetivou o “poderoso” Rodrigo Souto na titularidade são paulina depois da média apresentação do atleta no clássico contra o Corinthians.

 

O volante não decepcionou. Correu, correu e correu. Não fez a marcação devida e ainda por cima fez um golaço… contra!

 

Ainda vão fazer uma tese sobre jogadores como Rodrigo Souto. Por que os treinadores de futebol insistem em colocar atletas desse nível em jogos importantes? Deve ser porque os técnicos gostam de um pouco de emoção. Claro, afinal de contas devemos dar uma chance ao adversário não é mesmo?

 

Mas além da ruindade cravada no DNA de Rodrigo Souto, todo o time são paulino foi um desastre na quarta-feira. O time ficou com um jogador a mais e não soube o que fazer com a bola. Alex Silva no final da partida jogou de centroavante. A marcação do Santa Cruz foi implacável e o São Paulo agora precisa vencer no Morumbi por uma boa diferença para escapar da desclassificação.

 

A ressaca da festa e deslumbramento foi brava. Justificável em certo momento. Mas o São Paulo se descuidou no torneio mais importante do primeiro semestre. E bobeira numa disputa de mata-mata pode ser trágica. Que a sobreidade prevaleça na Arena Barueri.

Anúncios

6 Respostas to “RESSACA BRAVA!”

  1. GUINA SP10 Says:

    Você não é prevenido, hein Abdul:
    Antes do jogo contra o Santa eu tomei uma caixa de engov, e precisei tomar mais uma depois do jogo.

    PS* Que festa fez a torcida do Santa Cruz, parabéns aos caras, e só pra naum perder o costume:
    _ “Dagol(?)berto, PQP, toca a bola p@#%%#! O Rival10 e o Fernandinho estavam sozinhos p@#$%#. Eram 3 contra 1, vc naum muda, hein???

  2. Hannibal Says:

    Feio demais, partida pífia, nossa…

    PCC abre o olho, tão cogitando o Muricy já, pare de inventar a cada jogo…

    Com todo respeito ao Santa, mas o time deles é feio, se não fosse o Souto o jogo iria acabar num 0x0 triste. Quero ver a postura do elenco agora no jogo da volta, se entrar meia-boca e bem capaz de dar zebra de novo, espero que não, mas…

  3. Marcelo Abdul Says:

    O São Paulo pegou uma chave muito complicada na Copa do Brasil. A torcida do Santa Cruz é espetacular mas o time é um lixo. O problema foi o Carpegiani efetivar o Rodrigo Souto. Ele é um desastre. E o time esqueceu de jogar futebol no Recife. Lembrando que apesar da queda do tabu contra o Corinthians e do centésimo gol do Ceni o tricolor não ganhou nada ainda.

  4. Marcelo Abdul Says:

    Foi uma partida bizarra do São Paulo. Eu acho o Carpegiani um técnico medíocre. Depois de “ser dirigido” por aquele timaço do Flamengo no início dos anos 80 nunca mais fez uma coisa que preste. O Muricy tá solto por aí mas trazer o cara numa disputa de mata-mata é dose hein? Técnico retranqueiro.

  5. Geraldo "JASON" Lina Says:

    É amanhã.
    Pra baixar a bola desse bando de perna de pau do Santa Cruz que só sabem bater.

  6. Marcelo Abdul Says:

    Ah ah ah ah. O São Paulo matou a cobra coral e mostrou ela morta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: