MEDIDAS EXTREMAS PARA ATOS EXTREMOS

by

Adebayor desesperado após o atentato: o terrorismo atinge a CAN 2010

Voltei de viagem  do fim de semana e me horrorizei com o atentado realizado contra a seleção do Togo que iria disputar a CAN 2010 em Angola.

Pavoroso. Terroristas que atentam contra a vida de esportistas são covardes, não lutadores de uma causa. Se tinham alguma, como a independência da região de Kabila, meus parabéns seus burraldos: a opinião pública está toda contra vocês.  Não há causa que se perpetue com o  sangue de inocentes.

A decisão do governo togolês de chamar o time de Adebayor de volta foi a mais correta. Ficar lá pra que? Com que ânimo os jogadores iriam jogar as partidas? A CAF tem que repensar as sedes das próximas Copas Africanas de Nações. Sabemos que o continente é um celeiro de conflitos étnicos. Países com esse perfil não podem sediar a competição continental. O Rali Paris Dacar foi transferido para a América do Sul justamente por isso.

Mas não são só conflitos tribais que abalam o mundo do futebol. No Rio Grande do Sul tivemos uma semana preocupante na pré-temporada dos times gaúchos para o campeonato de 2010. As torcidas de Grêmio e Inter promoveram atos de vandalismo na cidade de Bento Gonçalves, local onde os dois grandes gaúchos estão hospedados.  Será que é preciso ter uma tragédia de Haysel no Brasil para se mudar alguma coisa?

Falando em mudanças, a diretoria do Coritiba resolveu se mexer.  Expulsou a torcida uniformizada “Império Alvi Verde” do Couto Pereira e aumentou o preço dos ingressos.  Apesar de ser uma medida tardia, merece todos os aplausos. Torcedor de verdade é o que dá dinheiro ao clube.  É o que compra os produtos oficiais e garante renda ao seu time.

Wilson Ribeiro, vice presidente do coxa: Medidas inéditas de um clube contra o banditismo organizado

Lugar de bandido é na cadeia. Não em um estádio de futebol. Onde essas torcidas uniformizadas vão,  a confusão e a violência é uma certeza. Está na hora dos clubes de futebol criarem vergonha na cara e parar de sustentar esses vagabundos. Parabéns ao coxa branca.

Ah! Mas a torcida organizada agita pra caramba….dizem alguns.

Que se dane! Mil vezes eu voltar vivo pra casa com minha mulher e meus filhos do que ver 200 caras falando palavrão e gritando palavras e frases como “matar” ou “cheirar cocaína”.

Aliás odeio termo belicistas no futebol como “guerreiros”. Se muitos desses torcedores fossem pra uma guerra, iriam se borrar nas calças. Não sabem nem 1% do que é ver seu companheiro tombar no chão com a cabeça dilacerada depois de um tiro.

Viva o futebol arte!

Abaixo o terrorismo!

Abaixo as torcidas unifomizadas!

Abaixo o futebol brucutu!

Abaixo o Muricy! (uahauahuahau, sacanagem!)

Anúncios

3 Respostas to “MEDIDAS EXTREMAS PARA ATOS EXTREMOS”

  1. Geraldo "JASON" Lina Says:

    ABDUL, TU TINHA QUE SER JORNALISTA.
    ***(*) ******(*)

  2. Marcelo Abdul Says:

    Uahuahauah!

    Cara, pra minha desgraça eu sou formado em jornalismo sim…rs.

  3. Geraldo "JASON" Lina Says:

    TAH VENDO ?
    RSRSRSRS
    ***(*) ******(*)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: